Pular para o conteúdo principal

Raulino promove jantar com degustação de vinhos às cegas nesta quarta

 Em seu primeiro evento, o restaurante recém-inaugurado na cidade de Curitiba vai oferecer uma harmonização surpresa com vinhos franceses e chilenos.

Nesta quarta-feira, dia 21 de julho, a partir das 20h, o restaurante Raulino Cozinha Autoral, recém-inaugurado na cidade de Curitiba (PR), vai promover a primeira edição do jantar harmonizado “França x Chile: Vinhos Degustados às Cegas’’. O evento, que pretende difundir duas importantes escolas da vinicultura mundial, trará importantes rótulos, entre eles o Las Veletas, distribuído pela Rootstock Vinhos.

 

Serão quatro pratos surpresa, incluindo a sobremesa, que terão acompanhamento de rótulos franceses e chilenos das seguintes uvas: Sauvignon Blanc; Grenache (blend); Cabernet Franc; e Cabernet Sauvignon (blend). Para o chef, empresário e sócio da casa, André Raulino, o jantar será um marco tanto para o restaurante, quanto para os clientes. ‘‘Tomando todos os cuidados necessários, preparamos esse evento com todo carinho para o público’’, diz ele. ‘‘Esse é o primeiro de muitos que queremos realizar para nossos clientes terem experiências únicas e inesquecíveis’’, afirma o chef.

 

De acordo com o sommelier e sócio da Rootstock Vinhos, Paul Tudgay, a ideia é mostrar a os degustadores, por meio dos vinhos, as diferenças entre o Novo e o Velho Mundo – Chile e França, respectivamente. ‘‘A degustação é para ver quais caraterísticas existem entre esses dois estilos de vinho’’, destaca Tudgay. ‘‘Vai ser muito interessante! Degustações às cegas são sempre surpreendentes’’, completa o sommelier. 

Sobre o Raulino Cozinha Autoral

 

Esse é o primeiro evento no restaurante desde sua inauguração, há pouco mais de um mês. O Raulino Cozinha Autoral tem capacidade para 52 lugares, já demarcados com o distanciamento necessário, e cumpre os protocolos de segurança para evitar a transmissão da Covid-19. O restaurante, localizado no bairro Cabral, em Curitiba (PR), traz a gastronomia contemporânea com foco em alimentos frescos e preparos artesanais que enaltecem as características dos insumos.

 

O restaurante, além de ser uma novidade na capital paranaense, traz o inovador Menu Confiance (pratos exclusivamente elaborados pelo chef no momento do pedido do cliente), que será servido na noite do Jantar Harmonizado; e uma carta de vinhos selecionados pelos sommeliers Luan Félix e Kayton Kaliberda, com mais de 200 rótulos, sendo 60 deles exclusivos de Curitiba e de regiões consideradas exóticas como Bósnia e Herzegovina, Bulgária, Croácia, Kosovo, Líbano, Macedônia, Romênia, entre outros. 

Para participar jantar harmonizado “França x Chile: Vinhos Degustados às Cegas”, os interessados precisam fazer uma reserva antecipada por meio do telefone (41) 92004-7748 ou pelo e-mail raulinorestaurante@gmail.com. O jantar harmonizado completo, com todos os pratos e vinhos, terá o custo de R$ 350,00 (mais taxas de serviço). As vagas são limitadas. O Raulino Cozinha Autoral funciona na Rua Recife (nº 220), no bairro Cabral, em Curitiba, de terça a sexta-feira, das 18h30 às 23h; aos sábados, das 11h às 15h e das 18h às 23h, e aos domingos, das 11h às 15h30. Mais informações no perfil oficial do empreendimento no Instagram (@raulinorestaurante).

Fotos: Divulgação.

Postagens mais visitadas deste blog

Curitiba 18💙18 distribui 270 toneladas de alimentos

  Campanha de financiamento coletivo arrecada R$ 991.841 em 18 dias em prol de ONGs de Curitiba e Região Metropolitana. Uma campanha em torno do número cabalístico 18. Assim foi a Curitiba 18 18 , uma iniciativa da Comunidade Israelita do Paraná, que foi abraçada por muitos curitibanos, pessoas físicas e jurídicas.   A ação foi inspirada na campanha original de São Paulo, realizada algumas semanas antes. A arrecadação total pela plataforma de financiamento coletivo Benfeitoria foi de R$ 991.841,00, que estão sendo transformados em 270 toneladas de alimentos para mais de 9 mil famílias.   A distribuição já começou e continuará nas próximas semanas, com o apoio logístico da Trans Pizzatto. O número 18 foi escolhido por simbolizar a vida, transformando alimentos em esperança para as famílias mais necessitadas, situação agravada pela pandemia. “18 simboliza ‘chai’, que é vida em hebraico. E o coração, uma ponte para outra vida. Pessoas ajudando pessoas. Uma forma de honrar essa terra que t

Conheça os eventos na Itália e na França que vão celebrar Leonardo da Vinci em 2019

Com 28 de anos de história a Teresa Perez Tours é especialista em criar e reinventar roteiros personalizados e não poderia ficar de fora das comemorações dos    500 anos da morte de Leonardo Da Vinci , no  ano de 2019.  Da Vinci,  considerado, graças às suas contribuições em praticamente todos os campos do conhecimento humano, um dos artistas mais completos que o mundo já conheceu. O gênio italiano morreu no dia 2 de maio de 1519 e, como não poderia deixar de ser, o tema vai inspirar atrações ao longo do ano na Itália, país de origem do artista, e na França, onde passou os últimos dias de sua vida. Na programação, mais de 500 eventos com o objetivo de criar um movimento popular e artístico através de uma programação variada, que aborda temas relacionados à figura do artista e ao Renascimento - período em que viveu -, como arquitetura, gastronomia, artesanato, ciência e inovações tecnológicas.   Legado e raízes na Itália Na Itália, uma série de celebrações estão planejadas e du

Brasil abre 2018 com 16 prêmios para os espumantes brasileiros na Espanha

Vinhos e espumantes são reconhecidos por júri internacional formado por 40 experts A conquista de mais prêmios internacionais para vinhos e espumantes brasileiros começou mais cedo este ano. O país verde e amarelo acaba de conquistar 16 medalhas no Concurso Internacional de Vinos y Espirituosos (CINVE) 2018 , realizado de 12 a 14 de fevereiro no Complexo Cultural de São Francisco, na cidade de Cáceres, na Espanha. A entrega da premiação acontecerá dia 13 de abril no Hotel Villamagna, em Madri .   O concurso reuniu 705 amostras de 14 países. Um júri formado por 40 experts distinguiu quatro vinhos e 12 espumantes brasileiros . O diretor da Associação Brasileira de Enologia (ABE), enólogo Marcos Gabbardo, esteve representando o Brasil e destaca que foi possível avaliar, principalmente, vinhos da Península Ibérica, além de produtores do Novo Mundo e Velho Mundo. “Todas as avaliações foram realizadas às cegas por jurados internacionais, permitindo a valorização da diversidade e qual