25º Salão Curitibano de Artes Visuais terá a participação de 122 artistas nacionais

Cento e vinte e dois artistas de oito estados brasileiros foram selecionados para participar do 25º Salão Curitibano de Artes Visuais, tradicional mostra brasileira que será realizada entre 9 de outubro e 11 de novembro no Centro de Integração da Sede Barão do Serro Azul do Clube Curitibano, na capital paranaense.
O evento recebeu inscrições de 453 artistas nacionais - cada um apresentou três obras originais e de autoria própria nas categorias desenho, pintura, gravura, colagem, técnica mista, escultura, fotografia, instalação e multimídia.
A comissão de análise - formada pela curadora do salão, Tania Zaruch, e pelos especialistas Maria José Justino (professora e crítica de arte), Juliane Fuganti (artista e professora) e Marcelo Conrado (artista e professor) - selecionou 177 obras de 122 artistas das cidades de Curitiba (PR), São José dos Pinhais (PR), Londrina (PR), Fazenda Rio Grande (PR), Ponta Grossa (PR), Florianópolis (SC), Pelotas (RS), São Paulo (SP), Embu das Artes (SP), Campinas (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Contagem (MG), Salvador (BA) e Recife (PE).
“O processo de seleção dos artistas foi intenso pela grande participação este ano. A comissão de análise foi muito bem escolhida pelo conhecimento e domínio na interpretação de cada linguagem, sempre buscando qualidade em cada técnica. Selecionamos ótimos trabalhos na áreas de pintura, desenho, gravura, fotografias, além de vídeos, esculturas e instalações. Esperamos realizar um bom trabalho na montagem para termos mais uma grande edição do Salão Curitibano de Artes Visuais”, destaca Zaruch.
A lista completa dos selecionados e as instruções para o envio das obras para o salão estão disponíveis no endereço: https://www.clubecuritibano.com.br/resultado-xxv-salao-curitibano-de-artes-visuais/.
Ao final do 25º Salão Curitibano de Artes Visuais, a comissão de análise concederá três prêmios: Prêmio Domício Pedroso, no valor de R$ 10 mil; Prêmio Guido Viaro, de R$ 6 mil; e Prêmio Adalice Araújo, de R$ 4 mil. Também serão indicadas três menções honrosas destinadas exclusivamente a associados do Clube Curitibano, nos valores de R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil.
A mostra é viabilizada através da Lei Rouanet (Lei de Incentivo à Cultura), com patrocínio das empresas Cataratas do Iguaçu e Caminhos do Paraná.
Foto: divulgação.

Comentários