Quem sou eu

Minha foto
Este blog nasceu em fevereiro de 2008, para postar eventos, assuntos referentes ao universo da moda, beleza, gastronomia e vinhos.

22 de novembro de 2016

Um passeio excepcional na Caves Messias, em Portugal

Em Portugal, na ótima companhia de alguns integrantes da equipe das importadoras Porto a Porto e Casa Flora, fomos conhecer a histórica Caves Messias, fundada em 1926, por Messias Baptista, em Mealhada, na região da Bairrada, Portugal. São 6.00m² de instalações e aproximadamente 160 hectares de vinha, sendo 70 hectares destinados à produção dos vinhos Quinta do Valdoeiro. Em 2016, a Messias completou 90 anos de excelência em vinhos portugueses.
Fomos recepcionados por nada menos que a especialíssima pessoa de Messias Vigário, terceira geração da família proprietária e a primeira a exportar seus rótulos para os Brasil. A Caves Messias produz vários rótulos nas principais regiões demarcadas: Bairrada, Dão, Douro, Vinho Verde, Beiras e Vinho do Porto, mas o principal produto e o queridinho, é o festejado vinho do Porto Messias, que dispensa maiores apresentações para o BrasilJuntamente com sr. Messias, fomos conhecer as vinhas da Ferradosa, no Douro, local onde as videiras foram plantadas em 1845 pelo Barão do Seixo, e adquiridas pela família Messias, em 1956.
Com 200 hectares, sendo 130 hectares ocupados com vinhas para a produção do Vinho do Porto e do Vinho Douro Quinta do Cachão, as instalações na Ferradosa possuem 5.000 m² para a fabricação, armazenamento e envelhecimento de vinhos.
Messias Vigário nos conta um pouco de suas muitas histórias e nos apresenta o trabalho fantástico feito por eles, dos primeiros cuidados com o terroir até a chegada dos vinhos as nossas mesas.
Lindas e bem cuidadas videiras da Caves Messias.
Com Messias Vigário ao centro, as equipes Porto a Porto e Casa Flora, conosco: Evandro Giacobbo, Camila PodolakThaís Carvalhal, Rodrigo Correa de Oliveira, Juliana CostaSimone Meirelles, João Pensin, Marian Guimarães, Thiago Torres, Gerson Foltran Jr, Márcio BarbieriMárcia ToccafondoElis Cabanilhas Glaser, Gilza Severo e Roberta Chies.
Em meios às belas vinhas: Camila Podolak, Elis Cabanilhas Glaser, Márcia Toccafondo, Simone Meirelles, Juliana Costa, Thaís Carvalhal, Messias Vigário, Marian Guimarães, Gilza Severo e Roberta Chies.
Como não se encantar com as cores das vinhas? Ora verde, ora amareladas, ora vermelhas... espetáculo da natureza em total harmonia com o homem. (Minha foto por Simone Meirelles).
O engarrafamento do vinho do Porto é realizado em Vila Nova de Gaia, em uma área de aproximadamente 10.000 m² e eu, achei o meu Porto 61.
Messias nos apresenta o processo de vinificação, o processo de remuage, do dégorgement, até o produto final. Aprendizado para a vida!
Misto de encantamento e certa sensação de medo, na lendária e subterrânea Cave Messias, onde os vinhos descansam em ambiente úmido, sem nenhum ruído e longe das luzes e em temperatura estável, para que não percam suas propriedades. Cuidados de pai para filhos.
Encantadora e centenária Caves Messias.
Alguns rótulos apresentados e que degustamos da Sociedade Agrícola e Comercial dos Vinhos Messias.  Na contramão, começo pelos tintos: Bairrada Clássico Garrafeira 2010 Messias.  O vinho complexo, estagia apenas em barris de  madeira usado; é aromático e com sabor muito agradável em boca, tendo final longo e elegante. O segundo tinto da foto a ser provado é do Douro, o Messias Vinha Santa Bárbara 2011 - passa 18 meses em barrica, taninos equilibrados, refrescante, com certa mineralidade no aroma e sabor acentuado em boca; de cor rubi muito linda. O Quinta do Cachão é um vinho muito consumido no Brasil, estagia parte em carvalho francês e parte em carvalho americano. É um vinho muito estruturado, com aromas de frutos negros e maduros, sabor agradável e prolongado com notas de chocolate. O quarto vinho da foto é o Messias Vinho Verde (uvas autóctones Loureiro, Azal e Pedernã) e como o próprio nome diz é produzido na região do Vinho Verde. Vinho branco, descompromissado já que o teor alcoólico é baixo, apenas 8,5%; é muito frutado e com um aroma intenso e fresco. Ótimo para aperitivos e geladinhos para os dias quentes. Todos esses rótulos você pode encontrar nas importadoras Casa Flora e Porto a Porto.
Eu não perdi a foto com Messias Vigário, pessoa encantadora e um anfitrião de primeira grandeza.
À mesa com Messias Vigário...16 felizes convidados.
Gosto demais da gastronomia portuguesa e para o almoço, o chef de cuisine da Caves Messias preparou como entrada: Ovas de bacalhau com salada de lâminas de bacalhau, coentro e tomatinhos. Para o prato principal o tradicional Leitão da Bairrada, que é pura suculência. São tantos aromas e sabores, que deu pra ser muito feliz por lá! Todos, logicamente, harmonizados com deliciosos vinhos da  Messias, entre eles, o espumante Quinta do Valdoeiro, da Bairrada, (castas: Baga e Chardonnay). Vinho muito aromático, corpo médio, boa acidez, aromas e sabores de frutos vermelhos maduros.
A sobremesa também foi clássica portuguesa: Pastel de nata, fio de ovos e sorvete com amêndoas. O espetacular é tomar um Porto Messias 1977 na própria casa produtora. Demais!!
Passeio pelas instalações da vinícola.

Nenhum comentário: