Quem sou eu

Minha foto
Este blog nasceu em fevereiro de 2008, para postar eventos em geral, assuntos referentes ao universo da moda, beleza, gastronomia e vinhos.

7 de outubro de 2016

Crepes saborosos e top rótulos italianos para a Confraria Feminina do Vinho de Curitiba

 A reunião mensal da Confraria Feminina do Vinho de Curitiba, aconteceu no último dia 20 de setembro de 2016, e como de costume, na terceira terça feira do mês. Na pauta para a noite, excelentes rótulos italianos e de grande potencial aromático, apresentados pela confreira Sueli Rita Floriani de Martínez, que nos brinda com a ata, sempre impecável, a cada reunião. Os vinhos foram harmonizados com deliciosos crepes e o local escolhido do encontro foi o Restaurante Ticiano, do Quality Hotel Curitiba, situado na Alameda Dom Pedro II, 740, bairro do Batel.
O Ticiano oferece nas noites das terças feiras como cardápio, o rodízio de crepes doces e salgados, no maior capricho da casa e agradou geral as confreiras. O primeiro vinho da noite foi o GAROFOLI ANFORA VERDICCHIO; Produtor: Macrina; País: Itália – Região: Marche; Uva: Verdicchio; Safra: 2013; Álcool: 12.5%; Cor: amarelo palha com reflexos esverdeados; Aromas: frutas frescas brancas, como a pera e notas cítricas, Sabor: frutado, notas cítricas, frescor e levemente mineral, Amadurecimento: em tanques de concreto. Estimativa de guarda: 3 anos. Tomamos em seu tempo certo. (Preço: R$ 97,00). O segundo vinho escolhido foi o SAIA  MAGNUM, Produtor: Feudo Maccari; País: Itália -  Região: Sícilia – Sub Regiâo: Siracusa;  Uva: Nero d´avola; Safra: 2011; Álcool: 14%; Cor: vermelho rubi com reflexos púrpura. Aromas de cerejas maduras, geleia de framboesa e especiarias. Evoluem para notas de chocolate, caixas de charutos e terra úmida; Sabor: equilíbrio perfeito entre taninos e acidez. Ameixa, café expresso, amora e framboesa. Amadurecimento: 6 meses em barril de carvalho. (Preço: R$249,00). O terceiro vinho a ser degustado foi um cuja uva primitivo é uma das minhas castas preferidas no vasto mundo vitivinícola: PRIMITIVO DI MANDURIA SESSANTANNI; Produtor: Feudi; San Marzano; País; Itália – Puglia; Uva: Primitivo; Safra: 2012;Álcool: 14%; Cor: rubi intenso com reflexos violáceos; Aromas: frutas negras maduras, notas de especiarias e toques de baunilha; Sabor: encorpado, com taninos sutis e final de boca fresco, destacando-se por cacau, café e baunilha. Amadurecimento: não foi informado.( Preço: R$289,00). O quarto e último vinho da noite foi premiado com 93 WS: o CAIAROSSA; Produtor: Caiarossa; País: Itália – Toscana; Uvas: Sangiovese, Cabernet Franc, Merlot, Cabernet Sauvignon, Alicante e outras; Safra: 2006; Álcool: 14,5%; Cor: rubi brilhante e vivo. Aromas: buquê de flores, frutas maduras, nozes e notas minerais, aparecem intrigando os sentidos. Sabor: discreto adocicado, envolto por frutas como, amora, ameixa, morango e framboesa e notas balsâmicas. Os taninos são integrados. Amadurecimento: 18 meses em barris de carvalho. Classificado pela Wine Spectator como: “fascinante” o blend desse vinho, que mistura uvas francesas a italiana Sangiovese.  Preço: de R$668,00. Os vinhos para a noite foram comprados na Grand Cru , anexo ao restaurante Terra Madre.
Neste encontro de setembro, por motivo de luto, não participei da confraria e a presidene Sandra Zottis, também não pode participar. Na foto, durante o encontro as confreiras: Sandra Lunedo, Isabel Pudles, Analzira Carvalho Carneiroa apresentadora da noite Sueli Rita Floriani de Martínez, Ana Teresa Londres, Mônica MeiraMaria do Carmo Bado e Eunice Rocha.                                 
A apresentadora da noite, Sueli Rita Floriani de Martínez, deu o tema, o tom, os aromas e sabores para a noite da Confraria Feminina do Vinho.
Fotos: Eunice Rocha.

Nenhum comentário: